Saúde em Cativeiro -

Programa de Saúde de Tamanduás em Zoológicos Brasileiros

Entre os anos de 2005 a 2009, foi desenvolvido e aplicado o primeiro Programa de Saúde de Tamanduás em Zoológicos Brasileiros. Teve como objetivo levantar informações de
manejo e saúde das populações de tamanduás cativos no Brasil, criar planos de conservação para as espécies e integrar informações in situ e ex situ.

Durante o Programa, 15 instituições de pesquisa foram envolvidas, onde 59 animais foram anestesiados para análise dermatológica, cardiológica, hematológica e bioquímica, análise reprodutiva e
coleta de sêmen e finalmente análise de doenças infecciosas e parasitárias, resultando em publicações nacionais e internacionais. O principal ponto da pesquisa foi analisar os problemas graves de saúde que os tamanduás apresentavam em cativeiro. A falta de vitamina K e de taurina foram descobertas como as causadoras desses sintomas, iniciando alterações da dieta para animais cativos, uma vez que é muito difícil manter a mesma dieta de um animal de vida livre em cativeiro.

Apoio: Associação Brasileira de Veterinários de Animais Selvagens (ABRAVAS), Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil (SZB) e Sociedade Paulista de Zoológicos (SPZ).